Nossas ofertas de acordo com o tipo, tamanho e perfil do negócio

Enxergamos um conceito de inovação ágil, sistêmico e estratégico, que do trabalho em conjunto, traz resultados tangíveis.

Durante muitos anos de trabalho conjunto com nossos clientes, entendemos que cada empresa possui sua cultura própria e cada momento do negócio traz seus próprios desafios. Com base neste aprendizado, decidimos formatar modelos de trabalho dedicados à necessidades e contextos específicos.

Todos os nossos modelos de trabalho têm dois elementos transversais e indispensáveis: o ser humano e a pesquisa. Acreditamos que tornar o ser humano o centro do projeto faz com que os resultados sejam mais contundentes e inovadores, e usamos a pesquisa como um elemento ativo que alimenta o processo do início ao fim.

Temos três pacotes de ofertas de inovação à medida de cada momento, cada negócio, cada realidade. Estes modelos de trabalho podem ser ativados singularmente ou compostos como módulos de uma oferta de consultoria estratégica mais ampla:

CONSULTORIA CORPORATIVA

formatos_02Strategic innovation

Quando é preciso descobrir próximos passos para o negócio, repensar, trazer novas visões para a empresa. Enxergar o futuro, seja ele a médio ou longo prazo, para definir caminhos estratégicos de comunicação, produtos, processos ou serviços.

Sprint project
Quando uma empresa tem questionamentos e necessidades de entregas tangíveis a curto prazo, precisando realizar um projeto de inovação em pouco tempo.

Shaped by people
Quando existe uma estratégia clara, mas não se sabe o que fazer e como torná-la real, é o momento de envolver o principal stakeholder da empresa – o cliente – na definição do como.

Inverse innovation
Quando na sua empresa existe uma tecnologia inutilizada, patentes que não saíram do papel, um setor que não decola ou que não funciona mais ou espaço na linha de produção que gostaria de ocupar agregando valor ao negócio.

Spotted research
Quando há inquietudes sobre o rumo tomado ou necessidade de feedbacks dinâmicos ao longo de um projeto. O modelo de pesquisa é baseado em uma inovadora ferramenta digital, o aplicativo Spotted, oferecendo uma forma de conexão proativa e não invasiva à rotina do cliente final.

BootCamp Creative Empowerment
Quando uma empresa quer implantar a abordagem do Design Thinking nos processos de inovação internos. Fazemos com que a inovação não seja apenas um discurso, mas uma atitude compartilhada e ativa no cotidiano da empresa.

CONSULTORIA PARA START-UPS E PEQUENAS EMPRESAS

formatos_03Innova PME
Nas pequenas empresas muitas vezes a inovação é percebida como um conceito distante que exige grande investimento de tempo e dinheiro. Na VRD acreditamos que seja possível inovar na dimensão e ao alcance de cada negócio, e nossa metodologia de trabalho adaptativa produz exemplos tangíveis que podem inspirar os empresários a incorporar a inovação como motor de crescimento dos seus negócios.

Start-up S(p)EEDING
O mundo das Start-ups conta com assessores fiscais, contábeis, administrativos e tecnológicos; mas no processo de tangibilização da ideia do negócio nem sempre conseguem ter acesso a uma assessoria sobre a assertividade e empatia entre o formato do negócio com o futuro cliente. Startup S(p)EEDING foi criado exatamente com o espírito de ajudar as start-ups na correta formatação da ideia ao mercado: uma forma de aumentar as certezas sobre o potencial da ideia e desenvolvê-la para o futuro do novo negócio.

CONSULTORIA PARA ONGS E SETORES PÚBLICOS

formatos_04Design Giving
Para entidades de alto impacto social – como ONGs ou Organizações Públicas sem fins lucrativos – que têm muitos desejos e planos em mente, a VRD pode ser o player ideal para transformar tudo isso em realidade. Cada ano elegemos algum projeto no qual acreditamos e ajudamos na sua realização, doando nosso tempo e expertises àqueles que fazem do trabalho social um desafio cotidiano. Usamos a força do Design Thinking para pensar e fazer um futuro melhor juntos.

Public Services
Os serviços públicos, hospitalares, escolares, de mobilidade urbana, nem sempre são pensados incluindo as reais necessidades daqueles que os utilizam, levando à incompreensões que dificultam o crescimento social de uma cidade. Através de nosso processo de Design Centrado no Ser Humano, ajudamos os serviços públicos a serem desenhados de acordo com as reais necessidades dos que pertencem ao ciclo de vida destes serviços: organizações públicas, servidores públicos, fornecedores, consumidores e utilizadores.